Entrevistas

As entrevistas apresentadas aqui foram realizadas durante dois projetos: Atelier como espaço de conversa, proposto pela artista Lilian Maus e contemplado no I Prêmio Funarte Mulheres nas Artes Visuais e Mulheres na Arte Contemporânea – A.I.R. Gallery, premiado no Edital Conexão Cultura Brasil intercâmbios e realizado pela jornalista Isabel Waquil. Outras entrevistas têm sido realizadas independentemente de projetos com o intuito de alimentar esta plataforma e dar continuidade à construção de uma base de conversas que se estabelecem na intersecção entre gênero e artes visuais. O site Mulheres na Arte Contemporânea é, assim, entendido como um espaço que compila diálogos em torno do trabalho, história e percepção de mulheres que atuam no cenário das artes visuais. 

Amélia Brandelli [Vídeo] – Artista visual. Mestre em Poéticas Visuais pelo PPGAV/UFRGS. Foi professora no curso de Design Visual na ESPM-RS e coordenadora do Espaço Cultural da mesma instituição, onde realizou uma série de curadorias e fóruns sobre arte contemporânea.

Beatriz Lemos * Curadora independente e idealizadora da plataforma Lastro – Intercâmbios Livres em Arte. Articula projetos de intercâmbios entre cenas de arte na América Latina.

Bruna Fetter * Curadora, produtora e pesquisadora. Doutoranda em História, Teoria e Crítica pelo PPGAV/UFRGS com tese sobre a internacionalização da arte brasileira. Realizou a produção executiva de projetos culturais como 6ª Bienal do Mercosul (2006-2007), AGORA/ÁGORA, Horizonte Expandido (2010), entre diversos outros.

Cláudia Barbisan [Vídeo] –  Artista visual, mestre em Poéticas Visuais com ênfase em Pintura (PPGAV/UFRGS). Realizou exposições de desenho e pintura entre 1989 até 2014.  Foi contemplada com o IV Prêmio Açorianos de Artes Plásticas 2009 (destaque em pintura) – exposição Vem me Ver, no Espaço Cultural da ESPM – Sul.

Cristiana Tejo * –  Curadora, doutoranda em Sociologia (UFPE) e co-fundadora do Espaço Fonte – Centro de Investigação em Arte. Foi Diretora do Museu de Arte Moderna Aloísio Magalhães (2007- 2008), curadora do Rumos Artes Visuais do Itaú Cultural (2005-2006) e co-curadora do 32º Panorama da Arte Brasileira do MAM – SP (2011).

Daria Dorosh ** – Artista americana e co-fundadora da AIR Gallery, galeria cooperativa de mulheres artistas localizada em Nova York. Educadora, pesquisadora e ativista, Dorosh trabalha na intersecção entre arte, moda, tecnologia e com um interesse especial na forma como esses campos estão convergindo para o corpo. Leciona Design de Moda no Fashion Institute of Technology, Nova York, e se tornou pesquisador no Smartlab, Reino Unido, onde completou seu doutorado.

Fabiana Faleiros * –  Doutoranda em Processos Artísticos Contemporâneos na UERJ. Desde 2012 cria composições musicais e realiza shows como performance sobre a Lady Incentivo: novas formas de amar e de gravar CD. Seu segundo disco de artista, Iracema/América, foi gravado nos estúdios da Red Bull Station e lançando em 2014. 

Francisca Caporali * – Fundadora e coordenadora artística do JA.CA – Jardim Canadá Centro de Arte e Tecnologia, e professora da Escola Guignard – UEMG. Realizou Mestrado no MECAD / ESDi (Barcelona) e em Fine Arts na Hunter College/CUNY (Nova York). 

Glória Ferreira * – Doutora em História da Arte pela Universidade de Paris I – Sorbonne, professora colaboradora da EBA/UFRJ, crítica e curadora. Entre suas publicações, destaca-se a coorganização das coletâneas Clement Greenberg e o debate crítico (1997), Escritos de Artistas 1960/1970 (2006), e Entrefalas (2011).

Jane Swavely •• – Pintora abstrata americana. Presidente do Conselho de Administração da A.I.R. Gallery. Swavely realizou mostras individuais em instituições como CDS Gallery, Loyola College, e A.I.R.. Expõe individualmente e coletivamente desde a década de 80.

Jenn Dierdorf  ** – Artista e Diretora de Desenvolvimento da A.I.R. Gallery, galeria cooperativa de mulheres artistas localizada em Nova York. Formada em Escultura pela Universidade de Kansas e mestre pela Universidade de Connecticut, em 2008. Seu trabalho tem foi exibido em diversas exposições. Desde 2009 ela é curadora de uma série anual de performances (Savoir-Faire), que apresenta mulheres artistas performáticas emergentes. Dierdorf é membro do ARTTABLE, College Art Association e coordenadora do Feminist Art Project.

Joan Snitzer ** – Artista e  Professora. Diretora de Artes Visuais do Departamento de História da Arte na Barnard College/Columbia University, Nova York. Sua obra integra diversas coleções, como Franklin Furnace, Bank of America, IBM, Security Pacific National Bank, AMOCO International Oil Company, entre outras. Snitzer foi diretora, durante os anos 1970, da A.I.R. Gallery, galeria cooperativa de mulheres artistas localizada em Nova York.

JoAnne McFarland ** – Artista, poeta, e Diretora de Exposições e Operações da A.I.R. Gallery, galeria cooperativa de mulheres artistas localizada em Nova York. Formada pela Princeton University, McFarland realizou exposições individuais na 505 Gallery, Cave Canem Gallery, June Kelly Gallery, entre outras instituições. Sua obra integra diversas coleções, como Library of Congress, United Parcel Service, Columbus Museum of Art, AT&T Corporation.

Judith Bernstein •• –  Artista feminista conhecida por seus desenhos e pinturas com elementos fálicos e sexuais. Durante o início do movimento de arte feminista, Bernstein foi membro fundadora da A.I.R., cooperativa de mulheres artistas de Nova York. Bernstein também integrou grupos como Guerilla Girls, Art Workers’ Coalition, and Fight Censorship Group. O seu trabalho está na coleção permanente de arte moderna do MoMa

Laura Petrovich-Cheney ** – Artista americana, membro da A.I.R. galeria cooperativa de mulheres artistas em Nova York, e membro da organização nacional Women’s Caucus for Art. Foi artista Fellowship da A.I.R. entre 2013-2014. Sua obra está em diversas coleções públicas, como The Depository Trust & Clearing Corporation, Sculpture Park/Abington Art Center, Temple University Hospital, entre outras.

Lia Menna Barreto * – Artista plástica formada em Desenho pelo Instituto de Artes da Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Desde 1985 realizou diversas exposições individuais. Sua obra integra acervos de museus como Museu de Arte Contemporânea do Rio Grande do Sul, Museu de Arte Contemporânea de São Paulo, Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro, Museu de Arte Moderna de São Paulo, Museu de Arte Contemporânea de San Diego, Califórnia

Luísa Nóbrega – Artista. Seu trabalho se desenrola na zona fronteiriça entre a literatura e as artes visuais. Dedica-se a performance, poesia e vídeo. Paulistana, Formada em Filosofia pela USP,  realizou residências na Europa e no Brasil, bem como diversas exposições e performances ao longo de sua trajetória.

Maria Helena Bernardes * – Professora, escritora. Leciona História e Teoria da Arte na Arena Cursos. Ao lado de André Severo, é coautora do Projeto Areal, por meio do qual publicou diversos livros, como “Vaga em Campo de Rejeito”, “História de Península e Praia Grande/Arranco” e “Dilúvio”.

Marília Bianchini – Artista visual e mestre em Poéticas Visuais pelo Programa de Pós-Graduação em Artes Visuais da UFRGS. Entre suas principais exposições estão Cartão de Visita (Galeria Gestual, 2011), Idades Contemporâneas (MAC-RS, 2012), BR116 – Circuitos Independentes em Trânsito (MAC-RS 2013) e a individual Elogio da Transitoriedade (Santander Cultural, 2013).

Maxine Henryson ** – Artista americana. Exibiu suas fotografias amplamente nos Estados Unidos e na Europa. Seu trabalho está em diversas colecções públicas e privadas internacionais, incluindo a Celanese Photography Collection, Russian Museum e o Norton Museum of Art. É membro da A.I.R. Gallery, galeria cooperativa de mulheres artistas localizada em Nova York, e diretora do Comitê Fellowship da instituição.

Melissa Murray ** – Artista americana e membro da A.I.R. Gallery, galeria cooperativa de mulheres artistas em Nova York. Foi selecionada pelo Fellowship Program da A.I.R. Gallery em 2013-2014, e realizou a exposição individual “Traverse” na mesma instituição, em 2014.

Olga Robayo – Nascida em Bogotá, em 1972, vive e trabalha entre Oslo e Bogotá. Mestre pela National Academy of Fine Arts, Oslo. Seus trabalhos e projetos lidam com questões de deslocamento, migração e apropriação de espaços. Desenvolveu diversos projetos e exposições na Europa e América Latina. É fundadora, junto com Herman Mbamba e Marius Wang, do grupo El Parche.

Samantha Moreira * – Artista,curadora e gestora cultural. Fundadora e coordenadora do Ateliê Aberto, espaço situado em Campinas desde 1997.  

Sara Mejia Kriendler ** – Mestre pela School of Visual Arts (Nova York), Kriendler integrou o Fellowship Program da A.I.R. Gallery, galeria cooperativa de mulheres artistas em Nova York, entre 2014 e 2015. Realizou a exposição individual The Anthropocene, em maio, na A.I.R.. Trabalhando com resíduos coletados, o trabalho de Kriendler dialoga sobre aspectos relacionados ao consumismo, natureza, geologia, cultura contemporânea, entre outros.

Silvia Livi – Mestre em Física pela UFRGS, com trabalho em Evolução Estelar e Doutora em Ciências também pela UFRGS. Cursou escultura, pintura, gravura, história da arte, desenho (entre outros) no Atelier Livre de Porto Alegre. Integrou as exposições coletivas O Jardim do Rei: uma visão poética da História Natural de Buffon (2013) Arte em Quadrado (2010) e Fios (2009).

Susan Bee ** – Pintora americana e editora. Realizou exposição individual na Galeria Accola Griefen e sete mostras individuais na A.I.R Gallery, ambas em Nova York. É membro da A.I.R., galeria cooperativa de mulheres artistas em Nova York. Publicou seis livros de artista com a Granary Books. Formada pela Barnard College e mestre pela Hunter College. Leciona no Pratt Institute desde 2014. Foi premiada com a bolsa Guggenheim em 2014.

Susan Stainman ** – Escultora americana e membro da A.I.R. Gallery, galeria cooperativa de mulheres artistas em Nova York. Foi selecionada pelo Fellowship Program da A.I.R. Gallery em 2013-2014, e realizou a exposição individual “Color All the Way Through” na mesma instituição, em 2014.

Teresa Poester – Artista visual e professora no Instituto de Artes da UFRGS desde 1996. Expõe desde 1978. Sua obra integrou exposições na Bélgica, Alemanha, Uruguai, Coréia, Argentina, Espanha, França e Bélgica.

Vera Chaves Barcellos * – Nasceu em Porto Alegre, RS, Brasil, 1938. Participou do grupo fundador do Nervo Óptico (1976-1978), do Espaço N.O. (1979-1982) e também da galeria Obra Aberta (1999-2002). Em 2005, instituiu a Fundação dedicada à arte contemporânea que leva seu nome e a qual preside desde então. Participou de diversas exposições no Brasil e no exterior.

* Entrevistas realizadas durante o projeto Atelier como espaço de conversa

** Entrevistas realizadas durante o projeto Mulheres na Arte Contemporânea – A.I.R. Gallery

  

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s