Sobre o projeto “Atelier como espaço de conversa”

O projeto “Atelier como espaço de conversa” consistiu na criação de um espaço de trocas entre agentes mulheres do circuito artístico brasileiro entre os dias 17 de dezembro de 2013 e 15 de maio de 2014. Este espaço se desdobrou em múltiplas interfaces, foram elas: um livro bilíngue (impresso e disponível para download), mesa-redonda, performance, oficina, exposição e plataforma digital. O projeto foi  contemplado pelo Prêmio Mulheres nas Artes Visuais, da Funarte em parceria com o Ministério da Cultura e a Secretaria de Políticas para as Mulheres

Os eventos aconteceram na Subterrânea (Av. Independência, 745/Subsolo – Porto Alegre), espaço artístico independente gerido por Lilian Maus, artista e proponente do presente projeto. A ideia principal do projeto foi produzir e compartilhar conhecimento sobre os processos de criação e circulação da arte, a partir de vozes femininas atuantes no circuito artístico brasileiro.

O Livro

Intitulado “A palavra está com elas: diálogos sobre a inserção da mulher na arte contemporânea”, o livro explora o gênero da entrevista, privilegiando a fala em primeira pessoa, como forma de investigar e pesquisara participação de mulheres no cenário artístico. Foram entrevistadas para o livro Glória Ferreira, Fabiana Faleiros, Vera Chaves Barcellos, Beatriz Lemos, Maria Helena Bernardes, Francisca Caporali, Samantha Moreira, Lia Menna Barreto, Bruna Fetter e Cristiana Tejo. O livro é bilíngue (português/inglês) e tem projeto gráfico e ilustrações assinadas por Letícia Arais Lopes, e conta ainda com intervenção de  Fabiana Faleiros. A tiragem foi de 1mil exemplares com distribuição gratuita.

Mesa redonda

Tratou-se de um debate que acompanhou o lançamento do livro, dia 15 de maio de 2014, com relatos de experiências nas áreas de gestão, curadoria, pesquisa e produção artística. Participaram da mesa Francisca Caporali, artista e gestora do JA.CA, Samantha Moreira, artista e gestora do Ateliê Aberto, Maria Helena Bernardes, artista, gestora e professora da Arena, e Bruna Fetter, doutoranda em História, Teoria e Crítica pelo Programa de Pós-graduação em Artes Visuais do Instituto de Artes da UFRGS.

Performance

A performance da artista Fabiana Faleiros acompanhou o lançamento do livro, dia 15 de maio, e ocorreu após a mesa redonda. A performance foi realizada no espaço criado com a instalação da artista Olga Robayo, com pallets de madeira e roupas.

Instalação

Levando o mesmo nome do projeto, “Atelier como espaço de conversa”, a instalação da artista colombiana Olga Robayo fundiu-se completamente com o espaço do Atelier Subterrânea, criando um novo ambiente de exposição, debate, performance. A obra fez uso de 50 pallets de madeira, centenas de roupas (que foram doadas para a Campanha do Agasalho 2014) e com dezenas de materiais obsoletos do próprio atelier.

Oficina de curadoria

A curadora independente e pesquisadora Beatriz Lemos ministrou curso gratuito ” O circuito de Arte e as Estratégias de Atuação: Mapeando o Meio Profissional da Arte”, sobre curadoria e pesquisa em arte. A atividade ocorreu entre os dias 8 e 9 de maio, no Atelier Subterrânea (Porto Alegre).

Exposição

A mostra “Obscenidades para donas de casa”, colocou em diálogo, sob um tom de ironia, as produções artísticas de Amélia Brandelli e Cláudia Barbisan no Atelier Subterrânea. Fizeram parte da exposição desenhos, colagens, tecidos e objetos.

CONTINUIDADES

Durante o projeto, foi criada a plataforma Mulheres na Arte Contemporânea, um espaço virtual que busca refletir sobre a participação das mulheres no cenário das artes visuais através do método da entrevista. Na plataforma, são inseridas conversas realizadas tanto no projeto Atelier como espaço de conversa, como em outras iniciativas que buscam provocar estas reflexões sobre questões de gênero nas artes visuais.

EQUIPE PROJETO “ATELIER COMO ESPAÇO DE CONVERSA”

PRÊMIO FUNARTE MULHERES NAS ARTES VISUAIS 2013

Coordenação de produção
Lilian Maus

Produção e Entrevistas
Isabel Waquil

Exposição
Cláudia Barbisan e Amélia Brandelli

Curadoria
Lilian Maus

Instalação
Olga Robayo

Montagem
Alexandre Moreira e Nelson Rosa

Livro
Lilian Maus (org), Isabel Waquil (entrevistas) Letícia Arais Lopes (Projeto Gráfico) Jéssica Preuss (tradução) Marina Waquil (Revisão). Entrevistadas: Beatriz Lemos; Bruna Fetter; Cristiana Tejo; Fabiana Faleiros; Francisca Caporali; Glória Ferreira; Lia Menna Barreto; Maria Helena Bernardes; Samantha Moreira; Vera Chaves Barcellos;

Performance
Fabiana Faleiros

Oficina
Beatriz Lemos

Vídeo
Guilherme Carlin e Hopi Chapman

Contabilidade
Proconta

Apoio
Cerveja Província, Leandro Selister e Atelier Subterrânea

Agradecimentos
Daniel Jacobino, Ricardo Romanoff, Caleb Faria Alves, Maria José Leivas Waquil, Guilherme Dable, Fábio Del Re, Sérgio Bombassaro

Realização
FUNARTE
Ministério da Cultura
Secretaria de Políticas para Mulheres
Governo Federal

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s